Lei de Acesso à Informação
Busca

Pedro Calmon Moniz Bittencourt - 1948 a 1950 / 1951 a 1966

Nasceu em Salvador, BA, em 23 de dezembro de 1902 e morreu no Rio de Janeiro, em 16 de junho de 1985.

Professor, político, ensaísta, orador, historiador biógrafo. Começou a cursar Direito na Faculdade de Direito da Bahia, onde permaneceu por dois anos, transferindo-se, depois, para a Universidade do Rio de Janeiro, onde terminou o curso.
Professor de direito Público pela Faculdade De Direito da Universidade do Rio de Janeiro.

Como conservador do Museu Histórico Nacional, realizou uma ampla reforma administrativa, criando a cadeira de História da Civilização Brasileira.

Foi Deputado Estadual da Bahia (1927/30). Como Deputado Federal em 1935 ligou seu nome à primeira lei protetora do patrimônio histórico. Em 1950, foi Ministro da Educação e Saúde, no Governo Dutra.

Em 1934, por concurso, tornou-se livre-docente de Direito Público Constitucional na Faculdade Nacional de Direito da Universidade do Brasil e, em 1939, catedrático, vindo a ser, por dez anos, diretor da mesma faculdade. Em 1948, deixou de ser Vice-Reitor, ascendendo à Reitoria, onde permaneceu por 18 anos, até 1966. Além da Universidade do Brasil, teve ligação com outros centros de ensino, como a Pontifícia Universidade Católica e a Universidade Santa Úrsula; deu aula de História da Civilização Brasileira, na Universidade do Distrito Federal e conquistou a cátedra de História do Brasil no Colégio Pedro II. Por sua intensa atividade acadêmica, recebeu inúmeros títulos por todo o mundo, como, por exemplo, Professor Emérito da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Doutor honoris causa das Universidades de Coimbra, Quito, Nova Iorque etc. 

Foi membro da ABL, publicando cerca de 50 obras nas áreas de Biografia e Literatura Histórica, História e Direito. Fundou um escritório de Advocacia, o Pedro Calmon Filho & Associados em 1962, especializado em diversas áreas do Direito e atendendo a vários setores do comércio e da indústria.

Na década de 60, proibiu a entrada, em certo episódio, da polícia militar na Universidade do Brasil, deixando, como legado, as seguintes palavras: “Aqui, esses beleguins de tropa militar não entram, porque entrar na Universidade só através de vestibular.”

É o responsável pela integração do Palácio da Praia Vermelha ao patrimônio da Universidade e sua restauração. Foi também quem se responsabilizou pelo mobiliário de época e pelas obras de arte que fazem parte do acervo.
Criador do Conselho de Pesquisas da Universidade do Brasil, para assuntos de pesquisa e pós-graduação, levando ao surgimento, em 1959, do Instituto de Química da Universidade do Brasil.
Professor de História Militar Terrestre do Brasil, na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN).

Sócio Fundador do Instituto Histórico de Petrópolis.

Hoje, tem, como homenagem, uma fundação com seu nome. A Fundação Pedro Calmon, na Bahia, é um Centro de Memória e Arquivo Público da Bahia.

Av. Pedro Calmon, n° 550 - Prédio da Reitoria, 2° andar Cidade Universitária -
Rio de Janeiro, RJ - CEP 21941-901 Telefone: 21 3938-9600 - Fax: 21 3938-1605
Universidade Federal do Rio de Janeiro/UFRJ
E-mail: WEBMASTER - Resolução mínima (recomendada): 1024x768



Patentes da UFRJ - Encontre aqui as tecnologias disponíveis, patentes requeridas e concedidas, registros de software e outras formas de Proriedade Intelectual administradas pela Agência UFRJ de Inovação.
Central de Apoio à Eventos - é a nova área da PR-5, que tem como finalidade apoiar prioritariamente a realização de eventos de extensão, no suporte de materiais e equipamentos.
PORTAL DE EVENTOS - Esta ferramenta de Integração à Comunicação da UFRJ e tem o propósito de dar visibilidade às atividades Institucionais, Acadêmicas, Científicas e Culturais. CADASTRE AQUI SEU EVENTO
UFRJ Notícias - Boletim semanal com informações de interesse geral sobre a UFRJ, voltado para todos os públicos. Produzido pela Assessoria de Imprensa do Gabinete do Reitor, funciona também como divulgador de pautas para a imprensa.
Agência UFRJ de Inovação Tecnológica - A Agência UFRJ de Inovação é responsável por Gerenciar a política de inovação bem como sua difusão e aplicações no âmbito da UFRJ.
CRIAR: tem como missão Identificar, estimular e promover iniciativas inovadoras nas unidades acadêmicas e órgãos suplementares da universidade e ser um elemento de interface para a transferência dessas iniciativas para agentes de desenvolvimento econômico e social, públicos e privados..
Cartas de Serviços dos Hospitais Universitários - Você poderá conhecer o conteúdo de cada Carta de Serviços ao Cidadão com as devidas orientações de participação e manifestação.
Super AFSede - CoordCOM: A Superintendência Geral de Atividades Fora da Sede foi criada para atender à política de ampliação da oferta de vagas e da necessidade de interiorização dos cursos no âmbito da UFRJ
Campus UFRJ - Xerém:  presença da UFRJ na produção de conhecimento e no crescimento do município de Duque de Caxias e da região da Baixada Fluminense.
Monitoramento de trânsito: Verifique o trânsito nas saídas da Cidade Universitária pelas câmeras pela Prefeitura da UFRJ - CET-Fundão.
Superintendência Geral de Comunicação Social da UFRJ:  atua como mecanismo comunicacional integrador da universidade com as suas unidades acadêmicas e com a sociedade em geral.
Campus UFRJ-Macaé:  presença da UFRJ na produção de conhecimento e no crescimento do município de Macaé e da região do Norte Fluminense.
WebTV UFRJ:  veículo da Superintendência Geral de Comunicação Social da UFRJ, orientado para a produção de videojornalismo e produtos audiovisuais especiais.
SUPEREST - Superintendência Geral de Políticas Estudantis: tem por objetivo constituir-se numa estrutura pedagógico-administrativa vinculada ao Gabinete do Reitor, voltada ao planejamento, coordenação, acompanhamento e avaliação dos programas e ações direcionados à comunidade discente.
Imagem UFRJ: banco de imagens da Superintendência Geral de Comunicação Social da UFRJ.
Superintendência de Tecnologia da Informação e Comunicação da UFRJ: é vinculada à Pró-reitora de Gestão e Governança (PR-6).